Ribeirão Preto, 23 de Setembro de 2018.

CPI da Eutanásia: secretário e Conselho de Medicina Veterinária serão ouvidos nesta 5ª

A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Câmara, que investiga casos de eutanásia praticados pela CBEA (Coordenadoria de Bem-Estar Animal) de Ribeirão Preto, promoverá novas oitivas nesta quinta-feira (21), às 14h, no plenário do Legislativo.

CPI da Eutanásia: secretário e Conselho de Medicina Veterinária serão ouvidos nesta 5ª

Desta vez, a CPI, que é presidida pelo vereador Marcos Papa (Rede), ouvirá o secretário Municipal de Meio Ambiente, Otávio Okano, e representando o Conselho Regional de Medicina Veterinária, Adriana Maria Lopes Vieira.

“É imprescindível à presença do Conselho Regional de Medicina Veterinária porque os procedimentos adotados pela Coordenadoria de Bem-Estar Animal são uma afronta à lei, uma afronta à ciência, um desrespeito à vida dos animais e ao que a ciência já evoluiu”, criticou.

Marcos Papa ainda acrescentou: “Faz tempo que convidamos o Conselho Regional de Medicina Veterinária para tomar ciência das ilegalidades cometidas pela Coordenadoria de Bem-Estar Animal atualmente. Assim como o prefeito não tinha conhecimento integral desses desmandos, o secretário agora terá conhecimento na íntegra, através da CPI”.

Ministério Público

O presidente encaminhará ao Ministério Público, nos próximos dias, parte dos autos da CPI da Eutanásia a fim de compor o inquérito civil que está em andamento. “As evidências que temos de eutanásia em animais desobedecendo a lei são evidentes, estão consignadas no nosso inquérito e serão encaminhadas ao Ministério Público para as providências cabíveis”, reforçou.

Para Marcos Papa, a Prefeitura de Ribeirão Preto abriu diálogo com protetores de animais e ativistas de forma inédita. “Ao saber da existência do inquérito parlamentar, o prefeito criou uma força-tarefa formada por mandato Papa, prefeitura e ONGs para a realização de avanços nos procedimentos da Coordenadoria. Isso é inédito. Abriu diálogo, pediu sugestões e se comprometeu a executá-las”, frisou.

Outros convidados

A CPI da Eutanásia também convidou para a oitiva desta quinta-feira (21) o prefeito Duarte Nogueira e o deputado estadual Feliciano Filho, autor da lei de proíbe eutanásia indiscriminada em animais. Ambos não comparecerão.

Por meio de ofício, o prefeito ressaltou reunião com ativistas, intermediada por Papa, na semana passada, um segundo encontro que ocorrerá nos próximos dias e ainda destacou que todas as informações e documentos da CBEA estão à disposição da CPI.

Feliciano justificou ausência por problemas de saúde e solicitou que a CPI agende uma nova data para que ele possa ser ouvido.

_____________________________________________________

Fonte: Ass. Imprensa Ver. Marcos Papa

Foto: Silvia Morais

Postado em 20.06.2018



Mais notícias: